Dicas

Saiba como ter uma renda extra sem abandonar seu atual emprego

O seu salário não está dando conta das suas contas? Por isso, você sempre fecha o mês no vermelho? Existem algumas atividades que você pode realizar para garantir uma graninha extra no seu orçamento, sem precisar abandonar o seu atual emprego. Nós vamos lhe mostrar algumas delas.

Mas antes, é preciso que você tenha em mente que para conseguir seguir duas carreiras é necessário que a segunda delas seja algo que você realmente goste de fazer, já que ela exigirá maior comprometimento e alguns sacrifícios.

Além disso, você deve analisar se a atividade escolhida terá um bom rendimento financeiro, se você terá um público que irá consumir o serviço ou produto que você escolher realizar.

Com isso esclarecido, vamos para as dicas!


1 . Represente uma marca de cosméticos

Hoje em dia, existem diversas marcas de cosméticos que usam representantes para se disseminar no mercado e aumentar suas vendas.

O representante é um parceiro que apenas recebe pedidos de clientes que ele já possui relacionamento ou que ainda esteja prospectando. Ele tem perfil comercial e não tem como objetivo abrir uma loja. Costuma receber um percentual de comissão entre 15% e 30% dependendo do volume de vendas gerado ou de acordo com as categorias de produtos que ele representa.

A vantagem de se trabalhar com cosméticos é que eles são muito populares entre as mulheres e costumam vender bem, inclusive em períodos de crise.

Essa é uma ótima atividade para se ter, paralelamente ao seu emprego atual, pois você pode fazer com que suas colegas de trabalho se tornem suas clientes. Com esforço, dedicação e os produtos certos, você definitivamente terá sucesso nesse empreendimento!


2 . Capitalize um dom

Você gosta de cozinhar e sempre é elogiada por isso? Então capitalize esse dom e deixe que outras pessoas provem e aprovem o seu dom para a cozinha.

Venda alimentos feitos por você para pessoas próximas, ou preste serviços para eventos de aniversários, casamentos, festas empresariais e também para reuniões familiares.

Para divulgar o seu trabalho, você pode criar flyers e distribuir em pontos de venda da cidade ou ainda utilizar as redes sociais.

Se você cozinhar realmente bem, tenha certeza de que o seu negócio se espalhará bastante no “boca a boca”.


3. Cuide de animais

Muitas pessoas possuem animal de estimação, mas nem todas elas possuem tempo para cuidar deles. E aí surge um interessante mercado. O de pet sitter!

Esse tipo de atividade exige que você goste de animais e tenha paciência, já que estará lidando com o pet de outra pessoa.

Alguns dos serviços que você pode oferecer são os de: passeio, companhia para o animalzinho e até mesmo hospedagem. E existem alguns sites especializados neste tipo de atividade, como o Pet Anjo. Nele, você realiza um treinamento, define sua agenda conforme a disponibilidade e, após aprovado, pode começar a trabalhar, sendo remunerado com 70% do valor pago pelo cliente.

Legal, não é mesmo?


4. Cobre por caronas

Se você usa o carro para pequenas viagens ou para o trabalho todo o dia, pode cobrar pela carona e ainda render um extra no fim do mês.

Você pode se juntar a grupos nas redes sociais com esse objetivo ou fazer uso de sites e aplicativos.

Um exemplo de ferramenta que faz a ponte entre o motorista e os caroneiros é o BlaBlaCar. Nele, você faz um cadastro, informa o itinerário, a data e hora de sua carona e também o valor da participação por passageiro.


5. Responda uma pesquisa

Há uma série de companhias que buscam a opinião dos consumidores e remuneram aqueles que dispendem o seu tempo para responder pesquisas online.

As fazer isso, os participantes são recompensados com pontos, que podem ser trocados por produtos ou benefícios. Há serviços que até permitem o resgate de quantias em dinheiro.

Mas não espere ganhar rios de dinheiro apenas respondendo uma ou duas pesquisas. É necessário se dedicar para começar a colher alguns frutos.

Mas, no geral, as pesquisas são rápidas e bem simples de responder.  Essa atividade permite que você colabore para o aprimoramento de um produto ou o lançamento de uma nova solução e ainda ganhe algumas recompensas.


6. Venda algo feito por você

Com a crise econômica, as pessoas passaram a valorizar os produtos feitos artesanalmente. Aproveite esse momento para vender aquele objeto que você sabe fazer. E aí vale de tudo, desde bijuterias e tapetes a sabonetes e móveis.

Venda para pessoas conhecidas e divulgue nas redes sociais. Outra forma é cadastrar seu produto em sites de vendas, como o mercado livre, Elo7, etc. 


7. Seja um Freelancer

Que tal aproveitar os seus finais de semana para ganhar uma graninha extra? Então a dica é tornar-se um freelancer e realizar alguma atividade no qual você é bom. E aqui, vale qualquer coisa, desde escrever, ou cuidar de crianças e até mesmo prestar algum atendimento de beleza.   

Para conquistar clientes, você pode divulgar o seu serviço para as pessoas mais próximas e pedir a elas que compartilhe com os conhecidos ou se registrar em sites que cadastram esse tipo de trabalhador.

Conclusão

Você gostou de alguma dica e acha que ela é perfeita para você conseguir uma graninha extra para o seu orçamento? Para que você seja bem-sucedido nessa atividade é preciso pensar em alguns detalhes

O primeiro deles é: planejamento. Você deve gastar um tempo planejando sua rotina para inserir a nova atividade. Ficar sobrecarregado e ter uma queda de performance nos dois empregos é um risco, caso o planejamento não seja bem executado.

Em seguida, pense no tempo que você terá disponível para realizar essa segunda atividade. O ideal é que ela seja algo que possa ser realizado durante seu tempo livre ou aos finais de semana. Por mais que o lazer possa ser um pouco sacrificado, as chances de você ter uma produtividade baixa diminuem consideravelmente.

Detalhes resolvidos, é só colocar a sua ideia em prática.

Qual das atividades que listamos parece mais atraente para você? Conte pra gente nos comentários abaixo!

Deixe seu comentário